Placas

 

Quase todas as palavras aqui utilizadas são excertos de poemas de João Cabral de Melo Neto. Do João Cabral de O engenheiro e Psicologia da composição. “A paisagem zero” é o título do poema que me despertou para este universo e fala de pintura homônima (ou pinturas, não sei ao certo) de Vicente do Rego Monteiro. Rego Monteiro não faz parte das minhas afinidades, mas os trabalhos em questão têm seu interesse.

As pinturas em pequeno formato são de certa forma o desenvolvimento de uma série exposta nesta galeria em 2004, intitulada Índice. Mantenho o nome. Eu chamo as pinturas de formato médio, verticais, de Placas. Suas aparências e “diagramação” justificam o nome. As pinturas maiores se intitulam Três colunas e Quatro colunas, já que assim se organizam.