Vidas maiúsculas ou a invenção da vida clara

Mas, o que ainda não estava claro para um Michel de 1985, como não estivera para Pasolini em 1975, é que o processo de decomposição moral e de destituição da posse dos corpos e dos afetos encontrava, já nos finais da década de 1970, o seu componente mais letal. A violência de que fora vítima Pasolini assumiria a seguir as proporções do estigma.