Sobre Prisca Agustoni

Nasceu em 1975, em Lugano, na região suíça de fala italiana. Morou em Genebra (Suíça) por oito anos, onde se formou em Letras Hispânicas e Filosofia e obteve o mestrado em Gender Studies. Nesta cidade, a autora integrou o grupo de teatro de língua italiana, "Il Ghiribizzo", apresentando peças de Pasolini e do futurismo italiano, assim como a dramatização do "Purgatório", de Dante. Organizou eventos, projeções de filmes e encontros literários com escritores latino-americanos no espaço cultural hispânico da cidade. Em razão de um plurilinguismo pessoal, a autora escreve e traduz em vários idiomas: italiano, francês, espanhol e português. Reside no Brasil, onde se doutorou em Literaturas de Língua Portuguesa pela PUC-Minas, de Belo Horizonte. No Brasil, publicou os livros de poemas Inventário de vozes (2001), Irmãs de feno (2002) e Días emigrantes y otros poemas (2004), todos pela Mazza Edições, de Belo Horizonte. Em 2006 publicou o livro de contos A neve ilícita, uma coedição Funalfa (MG) e Nankin Editorial, de São Paulo.

Poemas de Stefano Raimondi

Estranho quando as palavras
da vida começam a tremer
quando não basta nem mesmo o eco
de uma espinha dorsal
para juntar todas as noites.
Dar um empurrão no silêncio
até que ele caia, não basta.

Não há bem que faça
ficar em pé uma palavra sozinha.