Sobre Xiguiana da Luz

Moçambicano, pseudônimo de Eduardo Quive: trata-se por jornalista – artista, uma vez que, além do trabalho jornalístico, está na escrita literária, é ator e produtor cultural.

Xiguiana da Luz: Dois poemas

Este poema ainda não existe,
Nunca foi escrito,
Sonhei escrevê-lo um dia
Foi sonho de infância,
Ser poeta,
Mas nunca o soube ser
Nunca escrevi um verso
Sonhei acordado
Por isso não sonhei
Este poema é uma fraude
Nem se quer podia existir
Este poema não existe