Dois tostões

Régis, tenho acompanhado o caso surgido com a postagem de críticas à gestão da Casa das Rosas. Não sei se as críticas foram justas ou não, não tenho vivência nem conhecimentos para julgar. Mas de uma coisa eu sei: a um senhor que publica (Barbosa) uma resposta daquele teor eu não confiaria dois tostões, mas há quem confie a gestão de um patrimônio público. Minha solidariedade a você. Eu precisava dizer isso. Minha consciência está pedindo há alguns dias. Abraço. Ivone Benedetti (Tradutora da Editora Objetiva)